Minha Filha Diabética

Uma vida mais doce após o diabetes tipo 1!


10 Comentários

Mais um dia de férias e glicemias péssimas!

Nossa vida não é cor-de-rosa como o fundo do blog. Nem como muita gente deve achar que é só porque usamos a bomba de insulina. Mesmo com essa tecnologia a nosso favor, às vezes as coisas saem do controle e é legal mostrar isso também. Aproveitando esse meme aqui, vou mostrar o fiasco que foi essa sexta-feira 13 em termos de glicemia (porque o nosso dia foi ótimo)! Na verdade, o estrago começou ontem a noite!

Foi aniversário da minha mãe, teve pizza, bolo, então ela já acordou com a glicemia alta por causa da gordura da pizza. De manhã, trocamos a canula, ela foi ao dentista, tinha uma carie e já ficou nervosa.

Na hora do almoço, fomos pra o Festival do Japão que acontece esse final de semana aqui em São Paulo, e é bem longe de casa. Medi a glicemia e estava 130. Diminuí um pouco a basal pra chegar lá sem ter hipo. Deu certo… 108. Comeu Yakissoba. Dei insulina. E aí começou a comilança …

Começou com um espeto de uva coberto com chocolate. Não medi porque foi bem depois do yakissoba, tipo uma sobremesa, apenas dei insulina pros carboidratos… imaginei 20g de cho… acho que errei feio! Aaahhhh antes disso, beliscou um pouco de Mandiopã que eles estavam dando pra degustação…

Daí, meia hora depois (eu acho), ela viu alguém comendo um crepe de chocolate. Deixei, mesmo porque eu também queria comer. SÓ QUE AÍÍÍÍ…. EU VACILEI…. esqueci de dar insulina. Quando lembrei, medi e adivinha????? HIPER! Óbvio. Corrigi com a sugestão da bomba e coloquei mais uns 20g de carboidratos.

Vários estandes estavam dando coisas pra degustar, e eu nem sempre me liguei de aplicar insulina. Até aula de culinária japonesa ela fez, comeu, e eu esqueci. Ou seja… eu estava no mundo da lua e a consequência foi essa aí que vocês pode ver nas fotos… Sabe aquela história: “ah, uma balinha de côco só não faz nada, um pedacinho de bolachina não faz nada…” Só que junta isso tudo aí e você vê o estrago que dá!!!

Isso prova que a bomba de insulina é incrível sim e ajuda muito, mas ela também depende única e exclusivamente de um manuseio responsável e eficiênte.

    

Publicidade