Minha Filha Diabética

Uma vida mais doce após o diabetes tipo 1!

Hiper pós Hipo.

8 Comentários

Tenho certeza que todo mundo já passou por isso.

Vem a hipo, a gente assusta, corrige, e depois fica com medo de dar insulina. Aqui aconteceu muito. Principalmente depois de uma hipo severa com convulsão, ela ficava semanas com os números mais altos porque eu tinha medo de dar a insulina, sempre diminuía meia ou uma unidade.

Hoje, lido melhor com isso. O medo eu ainda tenho, mas não deixo ele dominar. Faço o que tenho que fazer. Aplico a quantidade certa de insulina e depois de duas horas eu meço de novo pra ter certeza de que está tudo bem.

Hoje foi assim. Às 11h15 estava 95. às 11h55, deu um pitizinho e estava com 35 mg/dl. Baixou muito rápido e demorou pra subir. Ela tomou um copo de água com açúcar e mais 2 sachês de mel.

Ficou bem, almoçou pouco, arroz e carne só. Comeu salada de fruta de sobremesa e eu apliquei 1,5 unidades antes dela ir pra escola. Com o coração na mão.

Mas deu certo. Às 15h, na escola deu 109 !! Ponto pra mim!!! Chegou da escola, depois de ter comido no lanche suco (8cho), manga e um pedaço de bolo de fanta com coco ralado, com 106mg/dl!

Ponto pra mim de novo e pra contagem de carboidratos que dá uma MÃOZONA nos controles!

 

Anúncios

8 pensamentos sobre “Hiper pós Hipo.

  1. Olá Nicole
    Você faz sempre a contagem de hidratos? Como faz? Qual a quantidade de hidratos q sua filha pode comer a cada refeição?

    • Oi Mafalda!

      Sim, fazemos sempre. Uma vez que você faz contagem de carboidratos, vc faz em todas as refeições.

      A Vittoria, por ser criança e estar em fase de crescimento, consome em média 30 gramas de carboidrato por refeição. Mas, na verdade, ela pode comer o que quiser e quanto quiser, mas como queremos que ela tenha uma refeição saudável sempre, só abusamos nos finais de semanas e festas de aniversário.

      Com a contagem você tem mais liberdade na hora de comer. Eu tenho várias tabelas com valores das comidas, peso e carboidrato, anoto tudo que ela come, faço as contas, e aplico a insulina pra aquela quantidade de carboidrato. Fica mais fácil comer em restaurantes, festas, pois vc acaba aprendendo a quantidade de cho dos alimentos e conseque controlar melhor.

      Se a glicemia está alta, aplico um pouco mais para abaixar também.
      Então funciona da seguinte forma:

      Ex: Ela acorda com 200mg/dl e toma de café da manhã o de sempre, leite com achocolatado e cereais, dá em média 30g de cho.

      Os valores pra ela são os seguintes: Meta glicêmica, aproximadamente 120mg/dl. Toda vez que eu tenho que abaixar a glicemia, tenho que fazer as contas para chegar em 120mg/dl. Nesse tempo todo acabamos descobrindo que 1 unidade de insulina abaixa 100mg/dl de manha e de tarde, e de noite, 1U abaixa 130mg/dl.

      Descobrimos também, através de tentativa e erro, e observação, que 1 unidade de insulina rápida (sempre a rapida nesses casos) cobre 20g de CHO.

      Então faço a seguinte conta: acordou com 200, dou 1 unidade p/ baixar pra 100, que é meu objetivo + 1,5U pra cobrir 30g (30g CHO / 20g CHO) = 2,5U no café da manhã!

      Será que deu pra entender???
      Pode perguntar tudo que tiver dúvida que eu escrevo quantas veze4s precisar.

      Vocês não costumam fazer contagem por aí?

      • Esses valores, essas razões: 1U abaixa 100 e cobre 20g de cho, elas mudam sempre. Conforme a criança cresce, engorda, as necessidades mudam. E até você acertar, demora um pouco também.

        A cada três meses, quando tenho consulta, esses valores vão mudando um pouco, pra deixar a glicemia cada vez melhor.

        A tendência conforme eles crescem é precisar de mais insulina, então hoje, uma unidade abaixa 100, daqui uns meses, 1 unidade pode abaixar apenas 80, e assim por diante.

        Mesma coisa com os carboidratos, hoje, 1 unidade cobre 20, daqui um tempo, 1 unidade cobre 10…

        Cada pessoa tem um valor diferente. Por isso é importante descobrir o valor ideal pro seu filho.

        Enquanto eu não fiz a contagem, eu NAO conseguia controlar as glicemias. Apenas com uma tabela de valores, fica complicado, pq vc nao costuma comer sempre a mesma coisa, por isso os valores pós refeição nunca são os mesmos.

    • Na escola, a professora mede a glicemia e aplica insulina TODOS OS DIAS.
      Eu fiz uma tabela pra ela, todos os dias, mando um lanche de 30g de CHO. SEMPRE.
      Então ela tem uma tabela de quantidade de insulina baseada nessas 30g.
      Pra ela fica mais fácil do que todo dia ir uma quantidade diferente de lanche e ter que ficar calculando.

      Em casa, infelizmente, eles nunca comem sempre a mesma coisa. OU deixam um tanto no prato, ou acabam repetindo. A contagem ajuda nesse sentido, vc acaba sempre sabendo o quanto ele comeu e dá mais ou menos insulina.

  2. Nic …
    eu faco a contagen assim bem mal feita …
    mais uso esse mesmo esquema ….
    tenho programadona minha bomba ( que tb muda de acordo com o peso) que atualmente 1u de rapida cobre 20gr de cho ,entao ela faz essa continha sozinha quando acordo com hiper AI ela corrige ai vou me alimentar ne? no meu caso como duas fatias de pao ,leite queijo e presunto light …aplico de 4 a 5 u …nao faco conta de cho sempre aplico esse valro nas minhas refeicoes …aplico mais no caso de festa ou restaurante ou menos nos dias que nao estou com fome no jantar por ex costumo comer pouco carboidrato entao diminuo a dosagem que fica entre 2.5 a 3u …mais ai tb fico com medo de hipo ,e meco antes de dormir e se estiver normal ou baixa eu tomo um leite ,ou um pedaco de fruta ou diminuo a basal ….deixando a bomba liberando pequenas doses e so aumento depois das tres da manha que ai que minha glicemia sobe !
    Se vc tiver uma tabela da cho e pode me passar eu agradeco!
    bjim

  3. Deu para entender perfeitamente !
    acho a contagem de cho, um dos melhores métodos de controle..
    Eu tenho um ótimo controle com a NPH.. mais já comecei a contar quantos carboidratos costumo comer em cada refeição, já me sinto apto a fazer a contagem.
    Vou conversar com a endócrino na próxima consulta para ver se começamos com a contagem.. difícil vai ser ela querer, pq realmente o meu controle com a NPH é mto bom.

  4. Nicole,
    Aqui usamos a seguinte proporção: 0,5UI de novorapid cobre 15g de CHo e abaixa 50…
    E uma coisa engraçada que acontece aqui é que só podemos dar até 2UI de ultra rapida por refeição, mesmo que nas contas dê para mais, se não, é hipo na certa….
    Outra coisa interessante é que só corrigimos Julia nas refeições principais, excluindo os lanches, na verdade, na maioria das vezes evitamos até de tirar a glicemia nos lanches, mas lógico que isso se a alimentação dela for de 18g a 20g de CHO como é o normal… com o tempo não vimos mais a necessidade de mexer com ela nos lanches…
    Nas refeições principais usamos 30g no café da manha e no jantar e 45g no almoço…
    Cada um tem sua medida e seu modo de fazer, mas a contagem hj é essencial para a boa qualidade de vida de nossas filhotas….
    Beijos!!!!!

    • Eu não posso dar mais de 3. Semana passada ela teve 560 e dei 3,5 mas medi de hora em hora! 4 unidades NEM PENSAR!!!!

      Se eu não corrigir a Vi na hora do lanche, que é na escola, ela chega com 300 em casa. Nâo tem como. Aqui, se ela come 20g, toma 1 unidade independente do horário. Não tem jeito.

      Então aplico no café, almoço, lanche, as vezes entre lanche e jantar, e depois no jantar de novo….

      Como ano que vem ela estudará de manhã, ainda não sei se continuará assim!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s